GOVERNO DE MINAS ANUNCIA AUMENTO E NÃO CUMPRE

A carta enviada aos profissionais da Educação de Minas, pelo Governo do Estado, e publicada aqui na Tribuna, em 30 de setembro deste ano, promete um aumento a partir de outubro para os servidores. Mas, o tal aumento não está no contracheque de pagamento de outubro, que saiu agora, dia primeiro de novembro.

Veja a tabela prometida, e não cumprida, pela SEPLAG:

Comparação salarial

Valor atual do salário estabelecido pelo Ministério da Educação (Lei Federal 11.738/2008)

R$ 940,20 *

Valor do salário inicial pago aos professores com licenciatura plena da rede estadual de ensino de Minas Gerais a partir de outubro/2013

R$ 1.455,30*

(+54, 8%)

Para uma jornada de 24 horas semanais

Agora, os servidores estão desconfiando das promessas de reposicionamento a partir de janeiro de 2014. Para o leitor ter ideia, quem foi efetivado em 2009, ainda não recebe salário compatível com a escolaridade adquirida após a efetivação.

 

 

Sobre o Autor

Mais posts de | Visite o site admin

 

0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Deixe um comentário